LogoNutriVentures

30 Jan 15

Nutri Ventures Portugal aposta nos EUA

Depois de ter conquistado a atenção de Michelle Obama, mulher do presidente norte-americano, a Nutri Ventures Portugal - empresa de entretenimento infantil que promove a alimentação saudável - apostou na abertura de um escritório no centro de Nova Iorque, cerca de um ano volvido desde a estreia da série de animação infantil nos Estados Unidos. Em declarações ao Diário Económico, um dos fundadores e ‘managing partner' da Nutri Ventures, Rui Lima Miranda, sublinha que, desde o início, a empresa foi pensada como uma marca global, pelo que, "não investir nos Estados Unidos da América estava simplesmente fora de questão". Criada em 2010, a empresa aposta numa série de animação infantil que promove a alimentação saudável, assim como numa plataforma digital e conteúdos musicais que já conquistaram a presença em cerca de 30 países. Saiba mais aqui

Bacalhau

30 Jan 15

Portugal na rota do bacalhau da Noruega

As exportações de bacalhau fresco da Noruega para Portugal cresceram mais de 50% entre 2012 e 2014, tendo passado de 2652 toneladas para 4165 entre os dois anos em análise. Uma tendência que o Conselho Norueguês das Pescas (Norge) quer intensificar este ano, apostando na colocação do produto nas principais cadeias nacionais da distribuição. Trata-se de um desafio, na medida em que, segundo o representante da Norge em Portugal, Christian Nordhal, apenas cinco por cento dos portugueses consome bacalhau fresco (skrei). Isto não obstante um estudo efetuado no mercado nacional indicar que 43% dos inquiridos conhece este produto norueguês. A maior parte do consumo é feita fora de casa, na restauração, ainda que o consumo nos lares tenha crescido 14% de 2013 para 2014. Saiba mais sobre o assunto aqui

Tomate

30 Jan 15

Tomate debatido em Santarém

A cidade de Santarém acolheu, recentemente, o seminário final do projeto Protomate – Desenvolvimento de uma nova ferramenta de apoio à gestão da cultura do tomate para garantia da qualidade do produto final. Neste seminário serão apresentados os resultados obtidos na monitorização da Tuta absoluta (traça do tomateiro) e da ferramenta informática de apoio à gestão desenvolvida no âmbito do projeto. A iniciativa Protomate envolveu diferentes entidades como o COTHN – Centro Operativo e Tecnológico Hortofrutícola Nacional, a ESAS - Escola Superior Agrária de Santarém, o ISA - Instituto Superior de Agronomia, a UE – Universidade de Évora, a FNOP- Federação Nacional de Organizações de Produtores e representando a produção, a Agromais. Associaram-se a este projeto mais 15 Organizações de Produtores, duas indústrias de tomate e uma empresa de produtos fitofarmacêuticos. Veja mais aqui